Título: Soure - Marajó (PA/2013)

 

Formado em Serviço Social, pela Universidade Federal do Pará (UFPA), fez concurso público e fixou residência em Roraima. Antes de morar em Boa Vista, viveu durante 10 anos em Belém do Pará, lugar onde deu início à fotografia. Fez cursos e também foi instrutor da área, na Fundação Curro Velho. Atuou como free lancer e teve trabalhos publicados em jornais paraenses. Participou de jornadas fotográficas e de salões de artes. Trabalhou com o fotógrafo Paulo Santos, “por quem tenho muito respeito e tive a oportunidade de aprender muito”.
A fotografia se tornou um hobby para Paulo Souza e, sempre que possível, visita lugares para fotografar. Direciona seu olhar para tudo que representa o imaginário ribeirinho, para mostrar a relação do homem com a natureza, com o rio, sua margem, o qual considera um divisor de águas entre as ações humanas, ressaltando o que faz, como vive e qual a relação do homem o ambiente que lhe cerca.
“No meu trabalho busco explorar muito isso. Eu fotografo de tudo, mas o que me chama atenção realmente é essa relação. Talvez pela infância. Me criei na beira do rio, na Serra do Navio, no Amapá. Meu pai era funcionário de uma mineradora. Lembro que todo final de semana eu rezava para ele me levar para o rio, para pescar. Foi no rio que eu aprendi a remar, uma das paixões que tenho, e a nadar. No meu trabalho tem essa subjetividade com essa questão de infância”.

 

Facebook: João Paulo Souza

Paulo Souza

REF: 50A
R$ 200,00Preço